Resenha: Não Queira Saber – Lisa Jackson

Não queira saber 3DNão Queira Saber (You Don’t Want To Know)
Lisa Jackson
Editora Bertrand Brasil, 2016
462 páginas
Skoob

Todas as noites, em seus sonhos, Ava vê o filho, Noah. Porém, quando ela acorda, é novamente arrebatada pela verdade aterradora: Noah desapareceu há dois anos, e seu corpo nunca foi encontrado. Quase todos, inclusive Wyatt, o marido meio ausente, supõem que o menino tenha se afogado após cair do cais próximo a sua casa. Ao longo desse período, Ava passou a maior parte do tempo internada em hospitais psiquiátricos, arrasada pelo luto. Contudo, à medida que suas faculdades mentais voltam ao normal, as suspeitas aumentam, ela não consegue se livrar da sensação de que a família e a psiquiatra sabem mais do que dizem. Ava não irá desistir enquanto não obtiver respostas; a verdade, contudo, é mais perigosa do que ela imagina — e o preço talvez seja mais alto do que espera pagar.

📚 Livro recebido em parceria com a Bertrand Brasil, selo do Grupo Editoral Record.

Hello pessoal!

Sou fascinada por romances policiais com bastante mistério e suspense para nos deixar sem fôlego. E ao ver que Harlan Coben deixa uma citação sobre o livro de Lisa Jackson não pude deixar de conhecer a obra e posso dizer que realmente é “de roer as unhas“.

Em Não Queira Saber conhecemos Ava Garrison, uma empresária de sucesso, casada, e moradora da ilha Church no Pacífico, na qual é dona da maior parte do terreno, ou seja, rica e poderosa. Apesar de ter sido considerada um jogo duro nos negócios, hoje ela não é nem sobra do que fora um dia após sumiço de seu único filho de 2 anos, Noah. Em uma festa em sua mansão para vários convidados, seu filho some misteriosamente e ninguém tem pistas do que realmente ocorreu, pelo menos é isso que achamos no primeiro momento.

O livro inicia quando já se passaram 2 anos desse trágico e misterioso episódio. O corpo do garoto nunca foi encontrado, ninguém pediu resgaste, ou seja, Noah sumiu do mapa e sua mãe sofre com o luto e as incertezas se voltará a ver seu filho. Todos da família, inclusive seu marido Wyatt, já se conformaram, mas Ava jura que escuta o choro do bebê no quarto e que às vezes ver o filho perto do cais. Após várias internações em instituições para doentes mentais e hospitais psiquiátricos, Ava retorna para tratamento em casa e com o tempo vai melhorando, no entanto começa a desconfiar que seus parentes e os empregados da ilha sabem mais do que dizem.

IMG_3562

Lisa Jackson foi uma surpresa positiva para mim, que não conhecia seu trabalho. A autora constrói uma história realmente envolvente, em que não sentimos as 462 páginas. Iniciamos a leitura devagar, com os fatos sendo apresentados e as pistas aparecendo sutilmente nas entrelinhas. Do meio para o final do livro o desenrolar é mais rápido, deixando o leitor aflito com os acontecimentos e ainda ávidos para desvendar tudo. Ao conhecermos Ava e cada morador da ilha, a relação entre eles e seus passados, entendemos como suas ações e segredos podem ter ligação com o sumiço de Noah, eu posso falar que fiquei tensa, queria saber logo se o garoto estava vivo e como ele desapareceu. :O

Apesar de ser narrado em terceira pessoa, a percepção que temos de todos os personagens é da visão da protagonista, o que pode nos enganar a entender as angústias e medos diante de um mistério sem solução. A construção dos personagens principais foi o ponto alto, todos com características fortes e distintas, a protagonista Ava transmitia uma carga emocional grande, que nos induzem a pensar que ela é real, gostei muito do modo que a autora trabalhou com todos eles na trama.

No final temos o desfecho do mistério e a mim convenceu da forma que terminou, verdades foram relevadas se encaixando nesse quebra cabeça que foi pra desvendar o que aconteceu com o filho de Ava Garrison, eu não esperava por nada disso e adoro quando fico surpresa.

A edição da Editora Bertrand está perfeita! A capa com uma arte maravilhosa remetendo ao teor misterioso da história, folhas brancas com letra grande, que ajuda muito na leitura. Recomendo muito o livro Não Queira Saber para quem gosta de romance policial com uma boa dose de apelo psicológico.

E  você, prefere a verdade ou não saber de nada?

Barrinhadivisoria2_zpsb656bfb6

Anúncios

51 comentários sobre “Resenha: Não Queira Saber – Lisa Jackson

  1. Oie Suzzy!!!
    Não conhecia seu blog ainda, mas achei tudo muito lindo por aqui, parabéns!
    Bom, não sou muito de ler Thrillers ou Romances Policiais, mas confesso que ultimamente tenho me interessado muitíssimo por esse tipo de literatura, principalmente depois de Caixa de Pássaros. Já ouvi falar maravilhas da autora. E depois de ler sua resenha fiquei ainda mais curiosa. Com certeza adicionarei o livro em minha meta de leitura 😉
    bjs

    Curtir

  2. Gostei muito da capa, mas para por aí. Rsrs
    Romances, suspenses, policiais não fazem muito meu perfil, porém tenho uma amiga que é louca por esse gênero concerteza irei mandar para ela esse livro. Adorei sua resenha apesar de tudo rsrs.
    Beijos querida.

    Curtir

  3. Olá linda,

    Adorei a indicação e saber que encontrei uma mulher no meio dos “grandões” do Suspense Mundial.
    Lendo sua resenha já até fiz três teorias para o que aconteceu com o garoto: A mãe viu o acidente e o choque foi enorme e assim ela esqueceu de tudo; Segundo o garoto foi sequestrado e todo mundo omitiu isso dela ou Terceiro alguém muito próximo da família matou o jovem e todos escondem isso pois é uma verdade muito grande para a mãe.

    Adoro fazer teorias malucas haha.

    Beijos,
    poesiaqueencantavida.blogspot.com.br

    Curtir

    • Heii Joanice, ameiii suas teorias!
      Sabe que eu pensei ela era doente mental e tivesse inventado o filho e a família alimentava essa ilusão por causa do tratamento… não vou te contar qual a versão certa, hehe.
      Leia depois e me conta se você gostou.
      Beijão.

      Curtir

  4. Olá, tudo bem?
    Já ouvi muitos comentários positivos a respeito dessa autora, e até desse livro. E é por isso mesmo que ele está na minha lista de desejados há um bom tempo. Acho essa capa linda e espero poder ter um exemplar em minha estante em breve rs. Esse gênero me atrai muito e já fico pensando no desenvolvimento da trama e nos próprios personagens: fico muito empolgada. Obrigada pela indicação!
    Beijos, Fer

    Curtir

  5. Olá, tudo bem?

    Esta capa está muito bonita. E adoro um bom suspense, gosto mais ainda quando aborda um lado mais psicológico, com drama e reviravoltas. Gosto de emoção. E a premissa deste é interessante, e fico contente que o final foi satisfatório para você, pois o problema em alguns romances policiais é aquele final que te deixa com um gosto amargo. òtima resenha e boas leituras.

    beijos

    Curtir

  6. Oi, flor.
    Apesar dos seus elogios, não pretendo ler a obra. Não sei, acho que faltou algum elemento que me fizesse desejar desvendar os mistérios que ela apresenta. Apesar disso, não posso ignorar o fato de que a autora conseguiu trazer à tona várias pistas nas entrelinhas da obra e ser convincente no final. Valorizo isso.

    Beijos!
    http://www.myqueenside.blogspot.com

    Curtir

  7. Oiii Suzzy, tudo bem querida?
    Eu fiquei bem chocada referente já a sinopse do livro, faz muito tempo que não leio algo assim e fico louca das ideias hahahaaha eu gostei de saber sobre a escrita da autora, porque não a conheço até a sua resenha. Tenho total certeza que quero realizar a leitura da obra.
    Beijão

    Curtir

  8. Olá,
    Amei a dica, não conhecia essa escritora mas adoro um bom suspense e com certeza ser “recomendado” pelo Harlan tem um peso e tanto na hora de escolher um romance policial. A capa é maravilhosa e a sua resenha está incrível. 🙂

    Beijos

    Curtir

  9. Suzzy não conhecia esse livro e já fiquei curiosa. Seu texto me fez pensar em várias teorias. Lembrei até de um filme que vi anos atrás de uma mãe que fazia tudo para reencontrar o filho. Total desespero. Gosto desse estilo de história, mas confesso que leio bem menos do que gostaria. Mas enfim amei a dica. E sua foto ficou linda. D+!!!
    Beijos

    Leituras, vida e paixões!!!

    Curtir

  10. Olá, não conhecia essa obra, ela parece ser bem bacana…o gênero já me conquistou de primeira, adoro um bom suspense. Adorei a capa, e mesmo com esse título, Eu já quero saber! kkkkkk

    Abraços

    Curtir

  11. Oi Suzzy, vi a foto do livro Não Queira Saber no seu IG. Como já estava interessado neste livro, dei uma olhada nas demais fotos e vi a da coleção Shadow Falls. Adoro essa série! Isso me levou até o seu blog. Adorei a resenha e o layout do blog. Parabéns!

    Curtir

  12. Pingback: Livros lidos em Março 2016 | Livros e Sushi

  13. Eu adoro romance policial. Essa mistura me agrada demais. Eu não conhecia esse livro nem a autora, e adorei a dica. Gostei bastante do plot com esse mistério que envolve o desaparecimento do filha da protagonista. Eu gosto de livros narrados em 3ª pessoa, mesmo os policiais, acho que a narrativa fica mais completa.

    ;D
    Profissão: Leitora

    Curtir

  14. Olá, eu amooo romances policiais e melhor ainda quando a leitura é de tirar o folego.
    Você não poderia deixar de conferir mesmo, depois que Harlan citou.
    Muito bom quando gostamos de algo e supera nossas expectativas.
    Parabéns pela resenha, vou colocar na minha lista de leitura.
    beijos

    Curtir

  15. Certo. Eu realmente fiquei com vontade de ler esse livro. Essa trama onde todos parecem saber algo e esconder de você me agonia pra caraca, mas também fico muito curiosa pra ficar sabendo o que tá acontecendo de verdade. Vou procurar esse livro. Ótima resenha, chuchu!

    Curtir

  16. Uau! Fiquei mega interessada na historia! Alias, me lembrou de um filme com esta tematica, um filme ate meio antigo e tal, mas bem diferente da historia em si, hehehe. Focando!
    Ah, fiquei com vontade de ler e descobrir a verdade sobre o desaparecimento do baby! ^^
    Beijos, Min

    Curtir

  17. Oi Su,
    Nossa, fiquei doida para ler! Adoro esse tipo de romance policial. Pelo visto o suspense fica pro final mesmo, né? Espero me surpreender também. Essa história me lembrou a de um filme com a Jodie Foster. Imagina só não saber como o seu filho desapareceu, deve ser a pior coisa do mundo :/ Mas acho que dependendo do que aconteceu, eu preferiria não saber.

    Beijos,
    Mari Siqueira
    http://sobreamorelivros.blogspot.com

    Curtir

  18. Olá!

    Já tinha visto uma resenha desse livro e ainda o desejo! Eu, particularmente, prefiro a verdade, muito melhor de se viver – não necessariamente melhor de se aceitar, mas é mais suportável. Eu fiquei aflita só de imaginar todo o sofrimento da personagem…

    Curtir

  19. Olá!
    Tenho um livro de Lisa Jackson pra ler, acredito que siga esse ritmo de suspense e mistério. Livros que envolve um passado atormentado pela perda são sempre bem vindo a minha estante e esse parece bem intrigante. Gostei da premissa.
    Abs
    Ni
    Cia do Leitor

    Curtir

  20. Olá, Suzzy!!

    Adorei sua resenha e estou louca para descobrir o que aconteceu com o garoto agora! Hahahaha
    Uma pena que todos os livros da BB são de folha branca – não gosto.
    Mas pelo menos as histórias são ótimas, né?

    Vou adicionar o título para minha lista de desejados! 🙂

    Bjs

    livrosontemhojeesempre.blogspot.com.br

    Curtir

  21. Olá, tudo bem?
    Não conhecia está autora ou este livro, não tenho o costume de ler livros de suspense mas Não queira saber parece ser um livro extremamente viciante.
    Gostei muito da sua resenha!
    Beijos, Larissa (laoliphant.com.br)

    Curtir

  22. eu também gosto de romances policiais, lia muito, de uns tempos pra cá, foi que diminui para começar a ler outras coisas. Não conhecia esse livro e já fiquei encantada quando vi a capa, mas o enredo é lacrador, gente, quero muito ler 😀

    Curtir

  23. Oi

    …mas tu não contou o que aconteceu com a criança….maldade! fiquei curiosa sabia! agora vou ter que ler pra descobrir! o que é um feito teu pois eu não gosto de ler nada que tenha relação à crianças sumidas, mortas ou doentes….mas nossa, eu quero muito conhecer o final da história!!!!

    parabéns pela resenha!!!

    bjs

    Curtir

  24. Oi!
    Li várias teorias nos comentários anteriores e fiquei curiosa para saber qual é a certa!!!
    Imagino a situação da mãe, o desespero. Quero saber o que aconteceu com o fikho dela!!
    Abraços,
    Andy – StarBooks

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s