Resenha: Encrenca – Non Pratt

Encrenca 3DEncrenca (Trouble)
Non Pratt
Verus Editora, 2016
307 páginas
Skoob
Quando o colégio inteiro descobre que Hannah está grávida, ela tem um verdadeiro colapso. E quem está ao seu lado é Aaron Tyler, um aluno novo e o único garoto que não parece ter segundas intenções em relação a ela. Desejando compensar seus erros do passado, Aaron toma uma difícil decisão: ele se oferece para fingir ser o pai do bebê. E, temendo revelar quem é o verdadeiro pai, Hannah aceita.
Este livro inteligente, por vezes comovente, por vezes engraçado, mostra que crescer pode ser complicado, mas é assim que se descobre o que realmente importa na vida.

📚 Livro recebido em parceria com o Grupo Editoral Record.

Hello! 

Fazia tempo que não lia um young adult e como eu estava com saudades do gênero. O livro Encrenca me deixou com vontade de mais e mesmo se tratando de um tema conhecido, não deixou de surpreender. Na história vamos ver como o destino uniu a vida de Hannah e de Aaron de uma forma totalmente inesperada. 

Hannah Shepard é uma jovem já com uma vida sexual bem ativa. Popular na escola, sempre é chamada para as festas e não tem vergonha de se exibir usando roupas justas e curtas, se veste assim de propósito para chamar atenção e provocar quem quiser olhar. Não pensa em namorar e com ela não tem frescura, se ela quer ficar com alguém vai dando o seu jeito até conseguir, o que a deixou com uma fama de “fácil” na escola.

Ela é aquela menina que acha que sabe tudo, que sempre vai estar por cima e que nada dará errado, mas aí que, de uma hora para outra, vem uma bomba em sua vida: ela está grávida aos 15 anos! Sem coragem para revelar quem é o pai, pois ela sabe que ele não vai assumir, Hannah se sente perdida, sozinha e sem os “amigos”, ela vai aprender da pior forma que a vida pode ser muito mais dura do que ela esperava. 

Aaron Tyler é o novato da escola, ninguém o conhece direito, mas por ter andando com alguns do time de basquete, acabou conhecendo Hannah. Com um jeito misterioso, Aaron nos intriga ao se oferecer para ser o pai do bebê quando a gravidez se torna o assunto da escola. Fez isso pensando em diminuir o bullying que Hannah andava sofrendo na escola, mas a verdade que ele tentava de se redimir de seus erros no passado.

IMG_5545

Encrenca mostra como duas pessoas desamparadas podem se ajudar, estendendo a mão um para o outro quando todos pareciam dar lhes as costas. O livro nos emociona ao retratar uma fase da vida dos jovens marcados por perdas, arrependimentos e esperança, Hannah e Aaron vão descobrir que a amizade é a melhor  forma para superar as dificuldades e que nada se compara a encontrar o seu primeiro melhor amigo de verdade.

A autora Non Pratt com certeza conseguiu me ganhar com sua escrita ágil, simples e leve, desenvolveu uma história intrigante e me senti solidária em vários momentos que Hannah passava, gravidez não é algo fácil nem para adulto, imagina para uma menina. Aaron é um personagem e tanto, o modo como sempre tentava ajudar Hannah era algo que o verdadeiro pai da criança deveria fazer, mas ele desempenhava sem medo. Hannah é irritante como várias adolescentes que conhecemos, mas sua evolução é grande na história, lutou contra todos que insistiram para ela abortar e mesmo com apenas 15 anos, ela sabia que pela vida de seu filho valeria a pena lutar.

A edição da Editora Verus não poderia estar melhor, achei a capa linda com uma arte que já nos conquista. Com capítulos alternados entre os protagonistas, a fonte de cada um é diferente para nos ajudar a distinguir o momento. Recomendo para quem gosta de histórias de superação e de grande amizade!

Barrinhadivisoria2_zpsb656bfb6

 

Anúncios

34 comentários sobre “Resenha: Encrenca – Non Pratt

  1. Não conhecia o livro, mas me pareceu interessante. Gosto bastante de Young Adult e sempre me entusiasmo quando vejo um livro desse gênero, porém um pouco diferente.
    Imagino o que a Hannah deve ter passado…
    A capa é bem chamativa.
    Bjss

    Curtir

  2. Sim, um livro com um tema tão comum hoje em dia, mas dependendo da forma que nos é apresentado, pode se tornar o melhor livro do ano! Mesmo achando clichê, algo me chamou atenção pra ele. Sua resenha só me fez querer comprar e mergulhar nessa aventura tão fofa!
    Acho que me fez lembrar alguns filmes que assisti e apreciei demais.
    Gostei!
    Abs
    Ni
    Cia do Leitor

    Curtir

  3. Oi, Suzzy!

    A Bel leu e se apaixonou completamente por esse livro! Fiquei muito curiosa com a história e agora tenho mais vontade de ler também. 🙂

    Adoro YA e acho que algumas histórias são maravilhosas e Encrenca parece uma delas!
    Espero ter a oportunidade de lê-lo em breve.

    Bjs

    livrosontemhojeesempre.blogspot.com.br

    Curtir

  4. Olá,

    Não conhecia esse lançamento da Verus e a história realmente parece ser boa, mesmo que tenha um tema mais clichê. Fiquei curiosa para saber mais a respeito do Aeron e os erros do passado que ele quer corrigir. Espero poder em breve ler essa obra.

    Abraços
    colecoes-literarias.blogspot.com.br

    Curtir

  5. Aii que resenha gostosa de se ler, comecei a ler YA’s com o livro “Fake” de Felipe Barenco, e eu simplesmente amei o gênero. Ainda não conhecia esse livro, mas depois dessa resenha maravilhosa, eu já fiquei super curioso para ler.

    Curtir

  6. Oi Suzzy, apesar de não gostar muito desse estilo de leitura, achei o tema bem interessante e bem polémico. Vi que o livro trata de vários temas relacionados aos adolescentes. Acho que deve valer a pena a leitura! Alem do que, a sua resenha aguçou minha curiosidade! Vou acrescentar a minha imensa lista de leitura!
    Bjokas

    Curtir

  7. Ano passado mesmo tive uma aluna que engravidou aos 14 anos, um pouquinho mais cedo que a protagonista. Eu não me interessei pela leitura, mas acho que os alunos iriam curtir, Tá bem dentro da faixa etária deles, assuntos que eles curtem conversar, Acho a dica bem bacana.

    ;D
    Nelmaliana Oliveira

    Curtir

  8. Suzzy linda essa é a segunda resenha que leio desse livro, mas com certeza a sua transmitiu uma sensibilidade que acaba passando para o leitor toda emoção e importância dessa história. Penso que esse livro deveria ser adotado nas escolas, uma linda mensagem de superação e amizade como você mesma destacou. Parabéns pela leitura e pela ótima resenha.

    Leituras, vida e paixões!!!

    Curtir

  9. Olá!
    Não é o tipo de livro que costumo/gosto de ler, mas até que me chamou atenção. Mas achei a temática muito interessante, principalmente por mostrar a gravidez na adolescência, as dificuldades, medos e a mensagem de superação que fica.
    Fiquei bastante curiosa com essa atitude ”solidária” do Aaron Tyler de assumir um bebê que nem é dele e apesar de não ter lido o livro, já quero saber quem é o verdadeiro pai do bebê huahua
    Abraços!

    Curtir

  10. Olá Suzzy! Fiquei super tentada a solicitar esse livro para a Editora Record, mas infelizmente, não o fiz. Parece muito interessante o livro, não somente pela temática, mas até mesmo pela forma como é tratada, pela atitude de Aaron e pelo foco na amizade. Enfim, espero ter mais uma oportunidade para ler Encrenca 🙂

    Curtir

  11. Ola Suzzy lindona amei a premissa do livro assim como a capa em vermelho, fiquei bem curiosa para saber como será todo desenvolvimento do livro com temas fortes e muito importantes na adolescência. Já está em minha lista de leitura, gostei de saber que a escrita da autora fluiu bem sem deixar o livro pesado. beijos

    Joyce
    http://www.livrosencantos.com

    Curtir

  12. Olá,
    Como você mesma mencionou é um tema já bem trabalhado em varios lugares.
    E tenho que te dizer que quando eu tinha 15 anos tinha uma grávida na minha sala e olhando tudo, como todos agiam com ela penso que realmente não deve ser fácil.
    Não consigo concordar com essas mães que não contam para o pai da criança que ele vai ser pai, por mais que ele não assuma é o dever dela contar e ao menos pensar que fez a parte dela.
    Enfim, sendo uma leitura ágil me atraiu, quem sabe eu não leio mais pra frete.

    http://euinsisto.com.br

    Curtir

  13. Olá!!

    Eu sempre falo das capas, e dessa não gostei! Acho que o vermelho, sei lá rs
    Mas tirando a capa, gostei da proposta do livro, retrata uma fase difícil da vida, adolescência, e uma das maiores mudanças na vida de qualquer mulher, a maternidade! Super importante esse tipo de livro!

    Bjus
    Blog Fundo Falso

    Curtir

  14. Pingback: Livros lidos em Maio 2016 | Livros e Sushi

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s