Resenha: O Cavaleiro dos Sete Reinos – George R. R. Martin

O Cavaleiro dos Sete Reinos
Título Original: A Knight of the Seven Kingdoms
Série: Histórias do Mundo de Gelo e Fogo
Autor: George R. R. Martin
Editora: Leya Brasil
Páginas: 416
Ano: 2014
Gênero: Ficção, Aventura, Fantasia
Classificação:⭐️⭐️⭐️⭐️
🔎 Compare os preços do livro aqui.

Antes de começar esta resenha, preciso admitir que sou um fã relapso de Game of Thrones. Não li todos os livros – longe disso – e assisti a quase três temporadas da série: a primeira, um pouco da segunda e… a sexta.

A boa notícia é que O Cavaleiro dos Sete Reinos – Histórias do Mundo de Gelo e Fogo atende tanto a bastardos como eu quanto a especialistas no assunto. Não penso que seja leviano dizer que as três aventuras de Dunk e Egg foram escritas por um George R. R. Martin com a mão menos pesada. Por um lado, há menos sangue, sexo e intrigas políticas do que se poderia supor, tendo em vista que a obra trata das andanças de um jovem cavaleiro e seu escudeiro pelos Sete Reinos; por outro, podemos ver que Westeros, mesmo em tempos de relativa paz, sempre foi como conhecemos: um lugar sórdido, implacável e também fascinante, pois nada ali é o que parece ser.

Os contos se passam noventa anos antes das Crônicas de Gelo e Fogo, o que torna possível compreender a motivação de algumas peças para se movimentar no tabuleiro da Guerra dos Tronos. Há muito sobre a Rebelião Blackfyre, ocasião histórica decisiva para a Dinastia Targaryen, mas casas “tradicionais” como Stark, Frey e Greyjoy também merecem menções. Dunk e Egg abandonam seu apelidos infantis para assumir alcunhas imponentes, mas a relação de amizade entre eles é mais interessante do que nomes em um livro de História.

Os ótimos episódios “O Cavaleiro Andante” e “O Cavaleiro Misterioso” são intercalados por “A Espada Juramentada”, cujo ritmo deixa a desejar em um ou outro momento. Mesmo assim, posso apostar com você que a sua leitura será bem rápida, já que o livro não é tão robusto quanto qualquer um das Crônicas.

Recomendo sem medo e fico feliz por ter entendido mais a respeito do universo de GoT de uma forma “amigável”, se é que é possível dizer assim. Como demorei muito entre os dois primeiros volumes da série original, acabei me perdendo um pouco na quantidade de tramas e personagens e deixando a saga de lado, mas esse problema não se repete em O Cavaleiro dos Sete Reinos. Todos os capítulos são narrados em primeira pessoa por Dunk e o foco está sempre na dupla de protagonistas.

Por fim, há que se exaltar a coragem dele em se autoproclamar cavaleiro e sair por aí procurando torneios de justa e julgamentos por combate. Se eu tivesse nascido em Westeros, teria feito de tudo para colocar os pés fora de casa o mínimo possível.

Não é à toa que o sujeito se tornou um mito!

»» Sobre a Série ««

The Tales of Dunk & Egg é uma série de novellas escritas por George R. R. Martin, publicadas em diferentes antologias ao longo dos anos e que foram reunidas em um único livro O Cavaleiro dos Sete Reinos. Se você ainda não está familiarizado com esse universo de GoT, esses contos são a introdução perfeita, a leitura é rápida, leve e ao mesmo tempo empolgante e cheia de reviravoltas. Abaixo estão as capas lançadas lá fora.

barra-assinatura

ronan
Ronan Sato
Especialista em assuntos aleatórios. Apesar de descendente de japoneses, não sabe afirmar com certeza se prefere comida indiana ou sushi.

Anúncios

30 comentários sobre “Resenha: O Cavaleiro dos Sete Reinos – George R. R. Martin

  1. Olá,

    Confesso que o gênero literário não é do meu agrado e a trama do livro não chamou muito a minha atenção, infelizmente vou ter que passar a dica e recomendar para amigos que gostam de histórias como essas,mas por outro lado, adorei sua resenha e achei bem escrita, percebi que conseguiu expressar sua opinião muito bem! ♥

    → desencaixados.com

    Curtir

  2. Oi, Ronan.
    Apesar de ter todos os livros das Crônicas de Gelo e Fogo, ainda não me animei a começar a ler!! Por enquanto tenho muitas séries pendentes e quero terminar algumas antes de começar novas histórias!
    De qualquer forma, fiquei curiosa sobre esse livro. Pelo o que entendi, posso ler essas histórias mesmo sem ter lido nada das crônicas… Acho que pode ser bacana para me acostumar com a escrita do autor!
    Obrigada pela dica!
    Beijos
    Camis

    Curtido por 1 pessoa

    • Oi, Camila! Obrigado pelo comentário. Acredito que este livro seja uma boa porta de entrada para o universo de George R. R. Martin, mas é preciso se preparar para a avalanche de nomes. Mesmo quando o autor “pega leve”, ainda é bastante gente envolvida com os assuntos dos Sete Reinos 🙂 Um abraço.

      Curtir

  3. Olá,

    Sempre quis conhecer a escrita do George. Há alguns anos atrás, peguei o primeiro volume de GoT para ler, mas comigo não rolou, são muitos nomes, muitos reinos e achei a narrativa muito descritiva, o que tornou a escrita arrastada e por isso abandonei. Mas, ainda quero ler algo do autor, só não sei se será algo do universo de GoT.

    Beijos,
    entreoculoselivros.blogspot.com.br

    Curtido por 1 pessoa

  4. Rapaz, se você é um fã relapso, pense na minha situação: nunca assisti à série. Só sei do povo comentando/xingando/sofrendo. Talvez este livro seja uma boa forma de ter contato com o universo, de uma forma ainda não tão intensa. Obrigada pela dica!

    Curtido por 1 pessoa

  5. Oioi
    Ainda tenho vontade de GRRMartin mas não Crônicas de Gelo e Fogo, lá pelo terceiro livro, que abandonei, acabei pegando uma raiva, me senti muito enganada, e isso me fez pegar birra de séries também, então vou passar a dica de hoje.

    Curtir

  6. Oi, Ronan!!

    Eu comecei a ler o primeiro livro, mas fui obrigada a parar e colocar na frente outras leituras obrigatórias. Ainda não consegui voltar a ler. E nem vi a série porque não tinha vida sobrando para isso!! Hahahahaha

    Então, com certeza sou uma ignorante nesse universo e fico feliz de saber que poderia ler de boas esses contos. Uma amiga minha me recomendou há algum tempo, mas como esse livro já tem resenha tenho que ler como um “extra” e é muito difícil conseguir tempo sobrando hoje em dia… Hahahaha

    A resenha está ótima e espero um dia lê-lo! 🙂

    http://livrosontemhojeesempre.blogspot.com.br

    Curtido por 1 pessoa

    • Oi, Carolina! Obrigado pelo comentário e pelo elogio. É complicado mesmo arrumar tempo para leituras “não obrigatórias”… 🙂 Passei no seu blog e gostei muito do post sobre autoras que revolucionaram a literatura. Abraços.

      Curtir

  7. Olá!
    Sou suspeita para falar, pois adoro GoT, a série. Porque dos livros, ainda estou no primeiro.
    O cavaleiro dos sete reinos me interessou ainda mais por mostrar um período anterior aos livros da série original, e pelo que disse, não tão complicados também.
    Beijos.

    Curtido por 1 pessoa

    • Oi, Aline! Se você gosta da série, acredito que também vai achar este livro interessante. É curioso ver como as coisas são em Westeros durante um período de “paz”, haha. Conte pra gente depois o que achou da leitura. Abraços.

      Curtir

  8. Olá, Ronan, como vai? Adorei sua resenha! Assim como você sou uma fã relapsa de GoT; li apenas 1 livro e meio e assisti duas temporadas hahaha. Mas simplesmente amo o mundo criado pelo Martin, a trama, os personagens, as batalhas, a política. Quero muito continuar lendo, e depois quem sabe pelo O Cavaleiro dos Sete Reinos para ficar ainda mais antenada 😀
    Beijos!

    Curtir

  9. Oi, Ronan
    Adoro GoT! Li o primeiro livro da série original e vi todas as temporadas. Tenho curiosidade de ler esse livro, e é até bom saber que a mão do autor está mais leve aqui, apesar de nem tanto. Acho que vou demorar um pouquinho para ler esse, pois a série original é bem grande e queria ler primeiro. Mas adorei a dica!

    Curtido por 1 pessoa

  10. Olá,
    Sou totalmente ignorante quanto às obras do autor, pois ainda não li nada e muito menos assisti à serie.
    Fico feliz que mesmo sem você ter lido ou assistido tudo, conseguiu entender e ter uma boa noção do que acontece na obra de forma amigável como você mesmo disse rsrs
    Adorei saber um pouco mais, mas por enquanto não pretendo me inserir nesse universo.

    LEITURA DESCONTROLADA

    Curtir

  11. Oie!
    Eu so li dois livros do autor, e gostei bastante da narrativa. Só parei porque a série não estaá completa. Esse livro, ainda não tive a oportunidade de ler, mas espero fazer isso em breve.
    Bjks!
    Histórias sem Fim

    Curtir

  12. Olá, tudo bem? Nossa, eu devo ser o único ser do planeta a não querer mesmo ler o tio George. Acho a premissa uma boa, e dentro do que geralmente adoro ler, mas os calhamaços e as histórias intermináveis me fazem fugir pra bem longe deles. E as séries, até agora também não me chamou atenção. Adorei a resenha, e vai ser uma ótima pedida para quem quer começar a ler ele, sem chegar logo de cara na série Guerra dos Tronos.
    Beijos,
    http://diariasleituras.blogspot.com.br/

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s