Resenha: Crueldade – Scott Bergstrom

Crueldade
Título Original:
The Cruelty
Série:
The Cruelty, #1
Autor: Scott Bergstrom
Editora:
Seguinte
Páginas:
376
Ano:
2017
Gênero:
Ficção, Suspense, Mistério
Classificação: ⭐️⭐️⭐️⭐️
🔎 Compare os preços do livro aqui.

Crueldade é melhor do que parece. A sinopse evoca uma história de espionagem e a capa emula um passaporte russo, combinação que, por si só, não suscita novidade. Antes de iniciar a leitura, o leitor já sabe que a jovem protagonista terá de mudar de identidade em algum momento para ir em busca do pai, que é apresentado como um diplomata do governo americano desaparecido em uma viagem de trabalho em Paris.

Continuar lendo

Anúncios

Resenha: Your Name – Makoto Shinkai e Ranmaru Kotone

Your Name
Título Original:
 Kimi no na wa
Trilogia:
Your Name, #1
Autores: Makoto Shinkai e Ranmaru Kotone
Editora:
JBC
Páginas:
180
Ano: 
2017
Gênero: Ficção, Mangá

Classificação: ⭐️⭐️⭐️⭐️
🔎 Compare os preços do livro aqui.

A versão anime de Your Name repercutiu bastante dentro e fora do Japão no ano passado, e os elogios recebidos foram justamente merecidos. Não à toa, o longa será exibido nos cinemas da rede Cinemark no próximo mês de outubro.

Continuar lendo

Resenha: Carbono Alterado – Richard K. Morgan

Carbono Alterado
Título Original:
Altered Carbon
Trilogia:
Altered Carbon, #1
Autora:
Richard K. Morgan
Editora:
Bertrand Brasil
Páginas:
490
Ano:
2017
Gênero:
Ficção
Classificação: ⭐️⭐️⭐️
🔎 Compare os preços do livro aqui.

Preciso começar esta resenha com um desabafo. Contracapas de livros costumam trazer algumas linhas assinadas por críticos — ora proeminentes, ora obscuros — que estão lá para influenciar a decisão de compra. Não costumam fazer mal a ninguém até o momento em que propõem paralelos descabidos, assegurando que se trata de um autor que é “o novo” não sei quem, de que a obra é “digna dos grandes clássicos” do gênero tal e assim por diante. Uma dessas comparações — entre Carbono Alterado e as obras de William Gibson — prejudicou a minha experiência de leitura, pois criou expectativas que não se realizaram. Gibson é um dos meus escritores favoritos e a narrativa de Morgan me fez ter saudades do Sprawl (a megalópole que se estende de Boston a Atlanta e que serve de cenário para a trilogia composta por “Neuromancer”, “Count Zero” e “Mona Lisa Overdrive”).

Continuar lendo

Resenha: Para Educar Crianças Feministas – Chimamanda Ngozi Adichie

Para Educar Crianças Feministas
Título Original:
Dear Ijeawele, or a Feminist Manifesto in Fifteen Suggestions
Autora:
Chimamanda Ngozi Adichie
Editora:
Companhia das Letras
Páginas:
96
Ano:
2017
Gênero:
Ensaios

Classificação: ⭐️⭐️⭐️⭐️⭐️ 
🔎 Compare os preços do livro aqui.

Li este manifesto — uma carta escrita por Chimamanda Adichie à uma amiga de infância que acabara de dar à luz — não como uma mulher e mãe, mas como um homem branco que reconhece seus privilégios e reproduz comportamentos e pensamentos machistas. Para aqueles na mesma condição, mas que também buscam repensar sua forma de se relacionar com o mundo, este livro é uma aula. A autora oferece quinze sugestões para que a pequena Chizalum seja educada em uma perspectiva feminista e o ideal seria que elas fossem lidas atentamente por homens que pretendem, ou não, ser pais. (A propósito, há um documentário também poderoso chamado “The Mask You Live In”, disponível no Netflix, que mostra como a ideia do “macho dominante” afeta psicologicamente crianças, jovens e adultos, principalmente nos Estados Unidos. Ótimo complemento para a leitura.)

Continuar lendo

Resenha: Snotgirl Vol. 1: Green Hair Don’t Care – Bryan Lee O’Malley & Leslie Hung

Snotgirl Vol. 1: Green Hair Don’t Care
Título Original: Snotgirl
Série: Snotgirl #1-5
Autores: Bryan Lee O’Malley & Leslie Hung
Editora: Image Comics
Páginas: 144
Ano: 2017
Gênero: Graphic Novel
Classificação: ⭐️⭐️⭐️⭐️
🔎 Compare os preços do livro aqui.

Não sei se há uma tradução ideal de Snotgirl para o português – ficaria entre “Garota Catarro” e “Garota Meleca”. Mas tudo bem, já que “Seconds”, lançada aqui como “Repeteco”, também teve um título complicado de verter para o nosso idioma. O que importa é que se trata de uma obra de um dos meus autores de graphic novels favoritos, o canadense Bryan Lee O’Malley.

Continuar lendo

Resenha: O Livro da Gratidão – Carolina Chagas

O Livro da Gratidão
Inspiração para agradecer
Autora: Carolina Chagas
Editora: Fontanar
Páginas: 128
Ano: 2017
Gênero: Não-ficção
Classificação: ⭐️⭐️⭐️⭐️⭐️
🔎 Compare os preços do livro aqui.

📚 Livro recebido em parceria com a Companhia das Letras.

O Livro da Gratidão não deve ser encarado como um típico livro de autoajuda. Diferentemente destes, não há a organização dos capítulos em torno da resolução de um problema ou o tom didático de um especialista que se dispõe a esmiuçar o significado de “mindfulness” (ou de outra palavra da moda, falada por 8 entre 10 celebridades).

Continuar lendo

Resenha: Mauricio, A História Que Não Está No Gibi – Mauricio de Sousa

Mauricio
A História Que Não Está No Gibi
Autor: Mauricio de Sousa
Editora: Primeira Pessoa
Páginas: 336
Ano: 2017
Gênero: Biografia, Não ficção
Classificação: ⭐️⭐️⭐️⭐️⭐️
🔎 Compare os preços do livro aqui.

📚 E-book recebido em parceria com a Editora Arqueiro.

Ler a biografia de Mauricio de Sousa é uma experiência deliciosa. Há livros de memórias que falham ao tentar traduzir em palavras a riqueza da trajetória de vida de seus protagonistas, seja por conta da falta de familiaridade destes com o ato de escrever, seja por confiarem a redação a um terceiro, às vezes não suficientemente capacitado; não é o caso deste.

Continuar lendo